Conhecida como a capital do rodeio no Paraná, Colorado realiza este ano a 43ª edição do evento que hoje é considerado o maior rodeio do sul do Brasil e uma das cinco maiores e mais importantes Festas do Peão do país, sendo referência em organização, profissionalismo, qualidade e bem­estar animal.

A Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado tornou­se de grande importância para a economia municipal e regional, movimentando os mais diversos setores da economia como o comércio varejista, hotéis, restaurantes, setor imobiliário, entre outros, seja antes ou durante os dias do evento, recebendo milhares de visitantes de várias partes do país.

Entre as atrações deste ano, Fiduma & Jeca, Pedro Paulo & Alex, Zumzera & Guilherme, Matheus & Kauan e Zé Neto & Cristiano.

A Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado teve início em 1974, por iniciativa da Associação dos Agropecuaristas de Colorado, atualmente conhecida como Sociedade Rural de Colorado. Esta entidade havia sido fundada um ano antes e contava com 27 membros, todos empenhados em realizar um evento de destaque regional, que anos mais tarde se tornaria o mais importante do estado.

Realizada no Estádio Municipal Dr. Francisco Borges de Campos, a 1ª edição do evento contou apenas com montaria em cavalos, estilo Cutiano, modalidade que seria exclusiva nos primeiros anos do rodeio. A partir de 1976, a Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado passou a ser realizada no Parque de Rodeio Benedito Ignácio Ribeiro, recinto construído exclusivamente para a sua realização.

No final da década de 70, com a chegada da montaria em touros no Brasil, da forma como a conhecemos hoje, a Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado passou a receber apresentações da modalidade, que se tornou oficialmente parte da competição nos anos seguintes e é mantida até hoje.

Em ambas as modalidades, a Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado já contou com a presença de peões lendários que escreveram seu nome na história do rodeio nacional, como Jair Honório, Adriano Moraes, Virgílio Gonçalves, Vilmar Felipe, Fabiano Vieira, Luiz Antônio do Nascimento, Edevaldo Ferreira, Amarildo Francisco, entre tantos outros.

Entre os profissionais contratados, muitos nomes também marcam a história da Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado. Mas certamente o maior de todos é o inesquecível Zé do Prato, que foi o locutor oficial do evento desde a sua primeira edição, até a sua morte, em 1991. Além dele, outros ícones da locução do rodeio brasileiro já fizeram ou ainda fazem parte do Rodeio de Colorado, como Asa Branca, Indiana Jones, Barra Mansa, Piracicabano, Daniel Tibiriçá, Adriano Duarte, Almir Cambra e Umberto Júnior.

A Festa do Peão de Boiadeiro de Colorado sempre buscou o que há de melhor em nível de rodeio, contratando todos os anos profissionais e empresas de qualidade indiscutível, mantendo ano a ano o padrão do evento dentro e fora da arena. Por isso, entre outros tantos aspectos é que ela ocupa um lugar de destaque entre as cinco mais importantes Festas de Peão do Brasil.
FONTE: PORTAL SERTANEJO

URL Curta: http://bit.ly/2mjzBA6